• 14853065_1626609080698371_7392510783316709064_o.jpg
  • 14883567_1626607784031834_8945156340716669243_o.jpg
  • 14859724_1626607734031839_8898750067867392802_o.jpg
  • demonstracao-serestando-img-01.jpg
  • demonstracao-serestando-img-02.jpg

A verdadeira técnica da arte de ator é aquela que consegue esculpir o corpo e as ações físicas no tempo e no espaço acordando memórias, dinamizando energias potenciais e humanas, tanto para o ator como para o espectador.
(Luís Otávio Burnier)

Vestir-se do outro como revelação de si mesmo. Será isso possível?

Espetáculo solo da atriz Ana Cristina Colla revela o universo feminino em diversas personagens. 

Em sua busca por “ser-estar” na cena, a atriz Ana Cristina Colla, ao longo de seus 20 anos de pesquisa junto ao Lume, visitou pessoas, cidades, mestres, recantos. Entre encontros e confrontos, foi depurando seu fazer teatral, passando pela mímesis das corporeidades, a dança pessoal, visitando o butoh, como portas para a própria singularidade.

“SerEstando Mulheres” é uma história “dançada” pela atriz, sobre si mesma e sobre outras mulheres. Uma colcha de retalhos, pedaços conhecidos e sempre ressignificados, espalhados por diversos espetáculos. A matéria que o compõe surge de momentos distintos do seu caminhar de atriz e mulher no Lume Teatro. Um encontro forte e delicado com o feminino, onde a atriz narra através das imagens que cria e corporifica, seu saber impresso no corpo.



Condições técnicas

O espetáculo foi concebido para ocupar um espaço íntimo, de relação direta entre ator e público, formando uma semi-arena. Pode ser realizada em palco italiano (com o público no palco) ou sala. 

A acomodação do público pode ser feita em cadeiras, bancos ou arquibancadas, desde que se respeite a relação de proximidade. Pode-se também acomodar parte do público em uma fileira sentada no chão. 

Um espaço aproximado de 10X10 pode ser suficiente para acomodar a cena e o público.

Aparelho de CD player e caixas de som com potência adequada ao tamanho espaço.

Mapa de luz anexo.

Ficha Técnica

Criação e direção: Fernando Villar e Ana Cristina Colla 

Atuação: Ana Cristina Colla 

Músicas: Rodrigo Cariranha, Robert Medzo e Greg Slivar

Concepção de Figurino: Silvana Nascimento

Concepção de luz: Maria Emília Cunha Alves

Técnicos responsáveis: Daniel Salvi, Eduardo Albergaria e Francisco Barganian


Design gráfico e fotografia: Arthur Amaral

Registro audiovisual: Alessandro Soave

Apoio administrativo: Giselle Bastos

Realização: LUME Teatro


Duração: 60 min. 

Indicação Etária: 12 anos

Anexos

Portfolio: serestando-portfolio_web.pdf